5 Tatuagens delicadas

Se for para sempre, que seja suave e não marque muito!

Algumas idéias de tatoos simples e delicadas para quem acredita que menos é mais!

ImagemImagemImagemImagemImagem

Seja mais, seja você!

Para os homens: como cuidar da sua mulher em 10 passos

Falei sobre como destruir seu casamento em 10 passos, mas agora vou falar como os homens podem construir um relacionamento feliz em 10 passos.

surpresa
1. Mulher gosta de detalhes, mesmo que sutis, elas valorizam os pequenos atos. Dar um bom dia carinhoso, mandar uma mensagem durante o dia, deixar um bilhete surpresa ou trazer uma flor num dia comum… tudo isso significa mais para nós do que um presente caro numa data especial.

elogio
2. Elogios são bem vindos! seja pelo cabelo, roupa ou acessório. Nós gostamos de saber que vocês ainda reparam na nossa aparência. Até sabemos que reparam, mas vale falar, senão fica o dito pelo não dito.

jantar com amigos
3. Gostamos que vocês nos acompanhem num encontro com nossas amigas e seus maridos. Mesmo que os maridos não sejam tão legais assim ou que vocês tenham tanta afinidade.

casal
4. Nossos problemas são tão importantes quanto os de vocês… mesmo que racionalmente sejam menores. Gostamos de saber que vocês nos ouvem e opinem sobre eles mesmo que para vocês sejam irrisórios.

????????????????????????????
5. Discutir a relação faz parte do nosso crescimento, então gaste um tempinho nisso também. Tente aprender conosco como podemos crescer juntos.

uma linda mulher
6. Uma vez ou outra é importante nos acompanhar nas compras… é gostoso experimentar uma roupa e sair do provador para vocês darem uma opinião. Vocês assistiram “Uma linda mulher”, lembram como ele se divertia com a Julia Roberts fazendo compras… então, é assim.

controle remoto
7. A TV é comunitária… vale sempre perguntar o que queremos assistir antes de ficar zapeando como loucos sem parar em nenhum canal e nem perceber que estamos ao lado tentando acompanhar.

homem educado
8. Está fora de moda, mas abrir a porta, nos deixar andar na frente e puxar a cadeira ainda é uma demonstração de respeito e valorização da mulher (pelo menos para mim).

Couple Reading the Daily Specials
9. Quando escolher o restaurante ou bar para irmos juntos, lembre-se de considerar nossos gostos também. Se não gostamos de comida mexicana, tente evitar, escolha aquele novo que abriu e que provavelmente ambos gostaremos.

louça
10. As tarefas da casa e dos filhos são de ambos. Então não considere que lavar uma louça ou cuidar do filho é “nos ajudar”. Queremos que vocês tenham 50% das responsabilidades sem considerar isso como “caridade”. Quando casamos e decidimos ter filhos, a decisão foi conjunta. Além disso, quer imagem mais irresistível do que um homem lavando a louça?

É simples fazer uma mulher feliz! mas no fundo de tudo isso, você precisa amar sua mulher, senão toda essa lista acima está fora de alcance!

Seja mais, seja você!

Fevereiro – fim de ciclo na numerologia

nove
Antes tarde do que nunca… Fevereiro está sendo o mês de fechar ciclos, pois é regido pelo 9, que determina fechamento para inclusão de novas oportunidades! Veja abaixo um pouco mais desse mês para se preparar para o próximo post de numerologia, o de Março 2014!
Seja mais, seja você!

“9 – O Regente de Fevereiro 2014

Fevereiro cujo Regente Numerológico é 9, é um mês que nos convida a fazer o balanço dos últimos acontecimentos, bons ou maus, da nossa vida.
O 9 é o número que marca simbolicamente o final de um ciclo e em simultâneo a abertura de um novo.
Durante este importante período de transição, encontramo-nos perante a possibilidade de virar mais uma página da nossa vida, de concluir assuntos, projetos e tarefas pendentes, de deixar ir pessoas e situações que não mais nos trazem paz nem quietude e consequentemente acolher as novas experiências que sucederão no seguimento das novas escolhas.
No fundo, este período de transição pede-nos que digamos adeus ao antigo para nos permitirmos receber o novo.
É perante esta vivência que surgem os nossos apegos a tudo o que fomos e a tudo o que tivemos, pois recusamo-nos a largar um passado que apesar de obsoleto é tudo o que a ilusão nos diz que temos.
Deixar ir o passado não é, de fato, uma tarefa fácil, sobretudo quando nos encontramos mergulhados em diferentes lutos que nos colocam em plena confusão mental e emocional, provocando o caos e a desordem na nossa vida e na vida daqueles que nos cercam, (sobretudo, na daqueles que nos estão mais próximos).
Esses lutos, essas contrariedades mal digeridas, transformam-nos, sob a nossa permissão, muitas vezes inconsciente, em vítimas dos acontecimentos e sob essa máscara viveremos momentos que poderão ir da apatia profunda a momentos de emoção descontrolada.
Ora tudo isto só nos trará mais dor e sofrimento, afundando-nos cada vez mais nos nossos próprios dramas. É por essa razão que uma parte das pessoas refere a cada instante que a sua vida se encontra virada do avesso, caótica, e tudo o mais que possam imaginar. Ante este cenário, o comum ser humano perde as estribeiras e inevitavelmente o controle da sua vida, mergulhando no desespero e na aflição, inibindo com essa atitude o seu processo criativo que o poderia ajudar a centrar e a buscar soluções para o que o incomoda.
Mas o 9 rege todo este mês e sob a sua benévola influência tudo o que se encontra escondido e oculto no mais profundo de nós mesmos, os nossos segredos, os nossos medos, as nossas angústias e todo o universo de fantasmas que povoam os nossos sonhos tenderá a emergir das entranhas do nosso inconsciente.
Esta proposta do 9 surge como um universo de possibilidades a explorar, no qual somos convidados a mergulhar para nos descobrirmos ou encontrarmos pistas que nos reconduzirão de volta ao nosso próprio centro.
Claro que este é um mundo onde nem todos estão dispostos a entrar, pois encontra-se repleto de armadilhas e locais desconhecidos. Portanto quem não estiver presente e alerta, quem não estiver preparado e firme das suas intenções poderá perder-se neste labirinto que é o inconsciente.
Porém, quem persistir, sem temor, num estado de espírito de total fé e confiança em si mesmo, poderá sair plenamente regenerado e renovado desta incursão num mundo que representa para a maioria de nós o verdadeiro monstro de sete cabeças.
Retirado o véu que nos impedia de ver com clareza que o que de facto nos amarrava não era mais do que uma armação da nossa própria mente subconsciente, que age sobre nós com total liberdade de ação (pois nós não a treinamos para ela nos servir) encontramo-nos agora sob novo dilema. É neste momento que poderemos voltar a zangar-nos conosco, culpando-nos por não termos sido capazes de perceber a armadilha. No entanto, é precisamente neste momento que daremos provas de que estamos efetivamente dispostos a amar-nos. Como? Compreendendo que tudo isto fez e faz parte do nosso próprio processo de crescimento e transformação. É essa consciência que permite o tal perdão a nós mesmos (do qual tanto se fala hoje em dia, mas que é tão mal compreendido) e que nos permitirá ganhar uma nova liberdade retirando o peso das experiencias passadas. Perdoar também significa compreender que agimos de acordo com o nível de consciência (que se tornará muito diferente do atual após esta nova síntese) que possuíamos naquele instante de um passado mais ou menos remoto.

Fonte: Eva Veiga”

Chineses e suas diferenças culturais (por uma chinesa)!

Um dos blogs mais interessantes e bem escritos que sigo! Vale acompanhar! Bjss

China na minha vida

Quem me acompanha sabe que esse é um tópico constante e, sinceramente, me parece inesgotável. Sempre encontramos mais alguma curiosidade, alguma explicação, algo novo. Quase 10 anos de China e ainda me surpreendo quase todos os dias com algum aprendizado novo.

Em 2013, terminei um MBA sobre a interferência da Cultura nos negócios na China, na Shanghai Jiatong University. Muito do que vi já sabia ou, ao menos, havia ouvido algo a respeito. Mas descobri muitas outras coisas  e acabei por entender melhor certos conceitos.

Um dos professores nos apresentou umas figuras que traduzem tão bem as diferenças, de uma forma tão simples e direta, que é difícil não se espantar e acabar até achando graça.

Decidi usar algumas dessas figuras nas palestras que faço no Brasil e fui buscar na internet já que elas não vieram impressas no material entregue e nem mesmo havia referências diretas nos slides…

Ver o post original 202 mais palavras